“Mr. Bliss” ou “Sr. Boaventura”: excentricidade, “nonsense” e crítica à modernidade 

Cristina Casagrande Um livro-álbum, ou seja, aqueles livros normalmente em posição horizontal, cheios de ilustrações que competem com as palavras, tipicamente voltado para as crianças da educação infantil (ou jardim de infância, como chamavam quando eu era pequena). Desenhos singelos, mas encantadores, um humor simples, por vezes, espalhafatoso. Uma letra de mão corriqueira, pouco ou … More “Mr. Bliss” ou “Sr. Boaventura”: excentricidade, “nonsense” e crítica à modernidade 

Considerações sobre o uso de “Ociente” em O Silmarillion

Franz Brehme Das muitas palavras que podem ter causado estranhamento ao leitor da nova tradução de O Silmarillion, uma em específico me chamou a atenção. Seu emprego demonstra todo o trabalho de pesquisa minucioso que o tradutor e todo o Conselho de Tradução da HarperCollins Brasil têm dedicado à obra.   A palavra à qual … More Considerações sobre o uso de “Ociente” em O Silmarillion

Novo canal no YouTube

Cristina Casagrande Agora o Tolkienista está no YouTube. O endereço oficial é: YouTube.com/Tolkienista_A Confira o vídeo de apresentação: Vídeo de conteúdo, com alguns critérios de por que Tolkien pode ser considerado um grande autor do ponto de vista não só quantitativo, mas especialmente qualitativo.

J.R.R. Tolkien: arte, teoria e literatura

Cristina Casagrande Em J.R.R. Tolkien: Author of the Century (2000), o filólogo Tom Shippey sustenta a tese de que o autor de O Senhor dos Anéis tem uma relevância muito maior para a literatura mundial do que simplesmente ser considerado um escritor de um gênero literário estigmatizado. Shippey afirma que Tolkien pode ser o autor … More J.R.R. Tolkien: arte, teoria e literatura

“A Viagem de Meteóris”: fantasia nacional delicada e rica que surpreende o leitor

Por Lorena S. D’Ávila Há quem diga que a fantasia épica de J.R.R. Tolkien estabeleceu um novo padrão de escrita no mundo, sugerindo novas propostas não apenas às estruturas de histórias nos livros, mas também no cinema e nos games. De repente, o conto de fadas que começava e se encerrava tão breve quanto uma … More “A Viagem de Meteóris”: fantasia nacional delicada e rica que surpreende o leitor

Revisitando o tema Raça no Legendarium de Tolkien: Construindo Culturas e Ideologias em um Mundo Imaginário

Este artigo é uma tradução do texto “Revisiting Race in Tolkien’s Legendarium: Constructing Cultures and Ideologies in an Imaginary World”, por Dimitra Fimi.

Confira o link da postagem original ao final do texto. … More Revisitando o tema Raça no Legendarium de Tolkien: Construindo Culturas e Ideologias em um Mundo Imaginário

Referências a Tolkien em “Goblin Slayer”

Por Patrick Queiros O que é Goblin Slayer? Goblin Slayer [literalmente Matador de Gobelim] é uma light novel, isto é, um romance ilustrado de fantasia japonesa escrito por Kumo Kagyu e com ilustrações de Noboru Kannatuki. Aqui, analisarei a adaptação realizada em mangá e anime. A obra conta a história de um aventureiro muito experiente … More Referências a Tolkien em “Goblin Slayer”

Traduzindo poemas: da marginália hobbitesca aos lais bretões

Por Cristina Casagrande Dentre os diversos críticos de J.R.R. Tolkien, estão aqueles que têm pouco apreço pelos seus poemas. Em uma carta, disse o professor de Oxford: Minha “poesia” recebeu poucos elogios — até os comentários de alguns admiradores geralmente eram desdenhosos (me refiro às críticas de sujeitos de estilo literário próprio). Talvez em boa … More Traduzindo poemas: da marginália hobbitesca aos lais bretões