Quando o amor aparece: “Alegoria do Amor”, de C. S. Lewis.

Igor Gaspar Corria os primeiros anos da década de 1930 e já havia se iniciado a pequena Renascença Literária inglesa, como a chamou o historiador H. Blamires, na qual “uma rede de mentes” brilhantes, como Dorothy Sayers e T.S. Eliot, Graham Greene, Charles Williams e J.R.R. Tolkien, de acordo com Bárbara Reynolds, energizavam-se “umas às … More Quando o amor aparece: “Alegoria do Amor”, de C. S. Lewis.

Bela como a aurora na primavera: o aspecto físico como símbolo do caráter

Cristina Casagrande Lúthien Tinúviel é uma das personagens mais profundas e complexas de J.R.R. Tolkien. Um dos aspectos mais interessantes dela é a sua capacidade de estabelecer diálogos com diversas personagens femininas da literatura mundial, incluindo as próprias personagens da obra do autor. Não por acaso, é possível encontrar relações muito pertinente entre a bela … More Bela como a aurora na primavera: o aspecto físico como símbolo do caráter

Construção de espadas com meteoritos: da realidade à ficção tolkieniana

Patrick Queiros Os meteoritos têm trazido uma contribuição significativa para a história da humanidade, seja pelo mistério que despertam, seja por sua origem desconhecida, difundido diversos mitos a respeito. Os meteoritos foram objetos usados como talismãs, bem como armas ou ferramentas em diferentes culturas, como é o caso da cultura japonesa, pois era uma ótima … More Construção de espadas com meteoritos: da realidade à ficção tolkieniana

Curiosidades e tolkienices de quem esteve roverandando

Rosana Rios Faço parte de uma tribo que leu as obras fundamentais de Tolkien em traduções de Portugal, porque no Brasil ainda não existiam. O pior, na época, era não ter com quem comentar… Porém, vivíamos os primórdios da Internet (como se costuma dizer por aí, quando cheguei era tudo mato) e, por felicidade, logo … More Curiosidades e tolkienices de quem esteve roverandando

“Cidade Invisível”: o folclore brasileiro em meio ao mundo moderno

Com a chegada da Netflix a diversos países, surgiram políticas locais para fazer com que o serviço de streaming produzisse e distribuísse filmes e séries de fora do eixo Estados Unidos–Reino Unido. Surgiram destas iniciativas grandes sucessos como La casa de papel e Lupin. Entre as produções em língua portuguesa do Brasil, estão o drama … More “Cidade Invisível”: o folclore brasileiro em meio ao mundo moderno

A rich world to be immersed in: interview with Dimitra Fimi

Cristina Casagrande Leia a entrevista em português na próxima página Dimitra Fimi is a renowned Tolkienist and researcher in mythology, folklore, fantasy and fairy tales. Born in Greece and daughter of teachers, since her childhood, she has been interested in the mythical universe. Reading compendia of classical mythology was her favourite pastime, to the point … More A rich world to be immersed in: interview with Dimitra Fimi

Através do portal da Sociedade das Relíquias Literárias

Lorena S. Ávila Imagina ter acesso a edições maravilhosas de contos incríveis, diferentes, raros, fantásticos de diversas culturas e escritores pelo mundo por apenas R$8,00? Começando o texto assim, até parece uma propaganda, mas a verdade é que queremos louvar uma das iniciativas mais legais que surgiu em 2020; a Sociedade das Relíquias Literárias, da … More Através do portal da Sociedade das Relíquias Literárias

Tolkien, caligrafia e as escritas insulares

Eduardo Boheme Este texto é uma adaptação da segunda parte deste artigo.Read the full original article here. Pensar em Tolkien como calígrafo é afastar-se um pouco das grandes questões que ocupam os também grandes tolkienistas e olhar detidamente para um grau muito pequeno de sua obra: a forma de uma única letra, particularmente aquelas que … More Tolkien, caligrafia e as escritas insulares

“Vamos caçar alguns orques!”: Reavaliando a Monstruosidade dos Orques

A.P. CanavanTradução de Franz Brehme Read the original text in English here Com exceção dos dragões, um dos monstros mais reconhecíveis do gênero fantástico é o humilde orque. Orques, comumente encontrados em hordas (que eu acredito ser o termo registrado®), são as tropas de soldados facilmente identificáveis e descartáveis de todos os magos malignos ou … More “Vamos caçar alguns orques!”: Reavaliando a Monstruosidade dos Orques