Um peregrino encontra seu caminho: ‘O Regresso do Peregrino’, de C.S. Lewis.

Igor Gaspar “Embora a história de Lewis revele sinais de que esta era sua primeira obra de ficção em prosa, o texto é bastante encantador e muitos gostam de relê-lo”.Colin Duriez Numa resenha para a Time and Tide em 1954, C.S. Lewis escreveu que O Senhor dos Anéis, do professor Tolkien, era “a conquista de … More Um peregrino encontra seu caminho: ‘O Regresso do Peregrino’, de C.S. Lewis.

Vita tolkieniana

Por Guilherme Mazzafera O exercício biográfico é perigoso por sua ânsia explicativa, em especial pelo desejo muitas vezes obtuso de construir os liames causais entre vida e obra. Sobre os riscos de tal empresa, adverte-nos W. H. Auden: “Um escritor é um criador, não um homem de ação. Em verdade, algumas e, em certo sentido, … More Vita tolkieniana

“The Worlds of J.R.R. Tolkien”, de John Garth

Novo livro explica de maneira brilhante como o Mundo Primário impactou o Mundo Secundário do autor da Terra-média. Eduardo Boheme Read this review in English on the following page. Poucos escritores tiveram suas vidas tão bem documentadas quanto J.R.R. Tolkien: dele nós temos biografias (sim, no plural!); cronologias maiores e menores; livros de fotografias; registros … More “The Worlds of J.R.R. Tolkien”, de John Garth

‘Mary Stuart’, de Alexandre Dumas: A mulher por trás da rainha

Por Lorena S. Ávila Sob as ruínas fascinantes das grandes monarquias do mundo, escondem-se histórias tão extraordinárias quanto chocantes, que nem o mais criativo dos trovadores poderia inventar com tantos detalhes. Mas, talvez, a mais curiosa dessas histórias seja a da rainha Mary Stuart, a monarca que herdou três reinos por legitimidade e a única … More ‘Mary Stuart’, de Alexandre Dumas: A mulher por trás da rainha

‘Ainda estamos na mesma história’: continuidade em Tolkien’s Lost Chaucer

por Eduardo Boheme O italiano Giambattista Bodoni (1740–1813) foi um dos maiores tipógrafos da história, e o conjunto de tipos que leva seu sobrenome é um dos mais longevos e mais bonitos, com elegantes serifas em filete e alto contraste nos traços, tudo muito revolucionário na época. Bodoni não poderia prever que, mais de um … More ‘Ainda estamos na mesma história’: continuidade em Tolkien’s Lost Chaucer